Menu
» » » » » CG INDIEca: Journey


Juninho Lima 17.7.15


Muito antes de jogos indies virarem "modinha" surgiu Journey. Não faz tanto tempo assim, mas eu não poderia deixar de falar de um dos melhores games já criados na história do mundo (tô exagerando mesmo, dá licença).

Se você estava em coma nos últimos 4 anos, eu quero te apresentar Journey, e te convencer a jogar essa obra de arte. Ele será relançado para o PlayStation 4 com resolução de 1080p e 60fps no próximo dia 21 (Julho), e essa é a oportunidade perfeita para quem não jogou, jogar; e pra quem já jogou, matar a saudade.


Desenvolvido pela Thatgamecompany, Journey faz parte de um contrato de desenvolvimento de três jogos da empresa exclusivos para o PlayStation 3, estabelecido pela Sony. Os outros dois jogos são: flOw e Flower

A jornada

O game traz um conceito minimalista, onde mais é menos e menos é mais. Não importa se você é um jogador que gosta de várias explosões na tela, muito sangue, correria e estratégia; essa aventura é obrigatória para todos, e pode te surpreender ao despertar sentimentos jamais acessados por um game antes. Você pode odiar e largar logo na primeira hora de gameplay se não entender a proposta; mas Journey não é simplesmente uma história jogável. É uma experiência de intimidade com o seu interior.


Fique tranquilo, não darei nenhum spoiler; já que é impossível, pois você monta a sua própria história em Journey e ao final, a sua interpretação será a sua verdade e sua maneira de enxergar qualquer jornada e acontecimento que te ocorrer dentro e fora da tela.

Com visuais exuberantes, porém simplórios, Journey cativa os olhos a cada troca de cenário. Os ambientes são limpos e um tanto quanto vazios; e é aí que tudo se encaixa na narrativa que vai mudando conforme a sua percepção do que é apresentado durante a jogatina.

A solidão é opcional

É difícil encontrar palavras que descrevam a experiência que o jogo proporciona. Você é uma criatura encapuzada vermelha em meio ao deserto vazio. Seus objetivos são simples: resolver alguns puzzles e encontrar algumas "bandeirinhas" vermelhas que lhe dão a capacidade de voo  que te permite acessar áreas específicas. Não demora muito para você conhecer o maior diferencial de Journey: o modo multiplayer.


Você notará que a experiência é solitária e silenciosa, e quando menos esperar, outra criatura como você poderá aparecer durante sua jogada e você escolherá se vai ou não seguir até o fim da jornada com essa pessoa.

Esqueça nomes na tela, e comunicação via bate papo. Você só saberá quem te acompanhou na jornada no fim surpreendente que Journey tem.


Provavelmente, você ainda está com muitas dúvidas sobre o jogo, e eu te desafio a não buscá-las na internet, ou com alguém que já tenha jogado; vá por si mesmo se aventurar pelo mundo profundo e sentimental de Journey; que é mais que um jogo, é uma experiência de vida. #exageradomesmo

Créditos

Texto e Imagens: Juninho Lima

O texto reflete a opinião do autor, e não do site Co-op Geeks.

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga