Menu
» » » » » » » » Batman vs. Superman: outro filme sabotado pelo hype?


Vitor dos Santos 24.3.16


O ano de 2016 é definitivamente o ano dos super heróis nos cinemas. Uma das maiores apostas, e um dos títulos mais esperados chegou hoje aos cinemas de todo o mundo: Batman vs. Superman. Confira o trailer do filme:


Dois heróis se desentendem e uma fórmula dessa pode causar uma catástrofe mundial. O título foi comentado durante muito tempo e a ansiedade das pessoas para assisti-lo é imensa, mas não podemos esquecer: quando esperamos demais por alguma coisa, a chance de nos decepcionarmos é muito grande. E Batman vs. Superman - A Origem da Justiça pode não superar todas as expectativas.

A Origem da Justiça


Confira a sinopse oficial do filme da Warner Bros.:

"Temendo as descontroladas ações de um super-herói quase Deus, o forte e formidável vigilante de Gotham City assume o papel do reverenciado salvador de Metrópolis, enquanto o luta para decidir qual tipo de herói que realmente precisa. E enquanto Batman e Superman estão em guerra, uma nova ameaça surge rapidamente, colocando a humanidade em um perigo nunca antes conhecido."

Não quero falar muito do enredo para não soltar sem querer um spoiler, mas digo que é um bom filme, não será dinheiro jogado fora, mas não se conforme com uma classificação "boa", para um filme que prometia ser "ótimo"; então espere uma série de críticas. E para os fissurados: o filme se assemelha com a HQ de Brian Azarello.

Temos 2h30m de filme - coisa pra caramba! Com certeza foi um trabalho difícil desenvolver tudo isso para o filme. No entanto, o filme parece perdido às vezes, seu enredo chega a ser cansativo, teve horas que cheguei a piscar de cansaço de cenas sem importância e até me perguntando: “quando esse filme vai terminar?”. Algumas cenas e momentos dentro do filme poderiam ser cortadas, tornariam o filme menos tedioso e mais dinâmico.

Sabemos que os tempos mortos dos filmes são um tempo de relaxamento, para descer a adrenalina de ação continua mais a frente, mas as pausas no clímax foram exageradas e deixaram o filme monótono e sem peso.

O humor do filme soa muito forçado - piadas forçadas e sem graça alguma! Claro que os dois personagens não são baseados em humor e erraram em abordar esse lado em um filme com um peso desses, talvez apenas uma piada tenha feito eu dar um sorriso, talvez...

O confronto entre Batman e Superman, no fim das contas acaba sendo vago, e ao final, o maior questionamento será: "sério que eles estão brigando por causa disso?", não espere um motivo interessante.
Porém, apesar dos apesares, o saldo final do filme é positivo e é um título que poderá trazer grandes novas promessas no futuro.

Um pedaço da "Liga da Justiça"


Um ponto forte para mim é o trabalho dos personagens, apesar do pecado dentro do roteiro, eles foram muito bem construídos e trabalhados. 

Bruce Wayne tem uma transformação incrível dentro da história, creio que dentro desse filme é o personagem que mais se desenvolve. Ben Affleck e Bruce/Batman foram feitos um para o outro, da mesma forma que Henry Cavill foi feito para Clark/Superman - apesar de Henry não ser o mestre da atuação. Ben Affleck foi quem melhor se deu nessa.

Outro destaque maior, vai para o Lex Luthor de Jesse Eisenberg - que interpretação e incorporação de personagem! Ele te cativa e te dá raiva, te faz amá-lo e odiá-lo... Ele faz total diferença no filme, e de certa forma, é o responsável pelo impacto e dinamismo do mesmo.

Além desses três temos outros personagens que ajudam os heróis na história, como a Mulher Maravilha de Gal Gadots, que tem um papel fundamental com salva-vidas e que foi introduzida muito bem no filme - mal posso esperar pare seu filme solo! E temos também o Aquaman interpretado por Jason Momoa, que de certa forma, completa o filme.

Conexões, finalmente!

Chegamos num ponto muito legal! A interligação de histórias! A Warner acordou finalmente para fazer isso, coisa que a Marvel já faz a um tempinho. Não temos apenas Superman, Batman, Aquaman e Mulher Maravilha nesse filme, você vai se encantar quando ver o que há mais dentro dele. Um herói "oculto" te surpreenderá!

Além dos personagens linkados temos cenas dos outros filmes aqui para ajudar a contar a história, logo no início do filme vemos essas cenas. Foi perfeita essa parte, encaixou tudo muito bem!

Too much computação gráfica


Em Batman vs. Superman há um exagero de computação gráfica, principalmente em Lex Luthor e o confronto final. Claro que para muitas cenas dessas precisamos da computação gráfica, mas há exageros, e isso fica nítido até para os mais leigos no assunto. Isso não acontece só aqui, nesse filme, muitos outros tem pecado nesse quesito. Um exemplo é destruição de cidade em diversos filmes de super-heróis. 

Parece que hoje os filmes têm que ter o planeta terra praticamente quebrado para mostrar o caos inserido. E aí depois de um curto tempo, está tudo reconstruído, bonitinho, sem nenhum problema - alô produtoras de filmes, parem que tá feio!

Conclusão final 


Apesar das críticas, não deixe de ver. O filme está longe de ser um desastre, assim como está longe de ser um dos blockbusters desse ano - e estou dizendo isso para que você assista com as expectativas mais baixas, e aproveite melhor o filme sem correr o risco de se decepcionar grandemente, pois a diversão é garantida!

PS: Quando acabar o filme, pode ir pra casa. Não há cena pós-crédito!

Ficha técnica

Gênero: Ação
Direção: Zack Snyder
Roteiro: David S. Goyer
Elenco: Ahman Green, Amy Adams, Bailey Chase, Barton Bund, Ben Affleck, Callan Mulvey, Christina Wren, Dan Amboyer, Demi Kazanis, Diane Lane, Ezra Miller, Gal Gadot, Harley Wallen, Harry Lennix, Henry Cavill, Holly Hunter, Jason Momoa, Jena Malone, Jeremy Irons, Jesse Eisenberg, Joe Cipriano, Laurence Fishburne, Maggie Wagner, Marko Caka, Michael Cassidy, Nicole Forester, Ray Fisher, Sandhya Chandel, Scoot McNairy, Stephanie Koenig, Tao Okamoto, Will Blagrove
Estreia: 24/03/2016 (Brasil)
Título Original: Batman v Superman - Dawn of Justice
Distribuidora: Warner Bros
Estúdio: DC Entertainment / Dune Entertainment / Syncopy

Créditos

Texto: Vitor dos Santos


A análise apresenta as opiniões e ideias do autor, e não do site Co-op Geeks.

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga