Menu
» » » » » » 5 Motivos para ler Battle Royale


Juninho Lima 24.6.16


É exagero afirmar que hoje em dia, histórias em futuros distópicos com adolescentes precisando lutarem entre si pela sobrevivência em prol do controle estatal, estão saturando o mercado de livros e filmes? Claro que não!

Mas antes de diversas sagas com essa abordagem conquistarem o sucesso, surgiu Battle Royale, livro escrito por Koushun Takami. 

Se você ainda não conhece essa obra-prima do drama violento, eu vou te dar 5 motivos para correr até a livraria mais próxima, e adquirir o seu exemplar!

5 - Inspirou outras sagas



Apesar de diversos autores não admitirem, é evidente que Battle Royale serviu como inspirações para muitas sagas. O caso mais conhecido e polêmico, envolve Jogos Vorazes, cuja autora, jura de pé junto que sequer leu a obra de Takami. Fica difícil de acreditar ao ler os dois livros e encontrar tantas semelhanças...

4 - Tem muita violência



Para os fãs de gore e novelização de violência explícita, Battle Royale é um prato cheio! O grande Takami usou e abusou na construção da linguagem do livro, e descreve muito bem todos os tipos de mutilação, tortura e assassinato - obrigatório para os fãs do gênero.

3 - Cultura nipônica



Apesar de muito bem adaptado para o nosso idioma, e para a cultura ocidental de forma geral, Battle Royale tem um ar típico de obras japonesas. Se você é fã de animes e mangás, se sentirá em casa. Aliás, no Japão, Battle Royale foi relançado como mangá em 15 volumes!

Só é meio complicado decorar o nome de todos os 42 alunos, e ter certeza sobre qual personagem o livro está falando, mas nada que você não decore até o final da história.

2 - Te prende do começo ao fim



Se você não está acostumado a ler livros extensos, inicialmente, Battle Royale pode te assustar com suas 663 páginas, mas a história é tão bem construída e instigante que se você estiver decidido a ler, terminará o livro rapidamente! E vai ficar arrependido de ter lido tão rápido (como estou, até hoje...).

1 - Ganhou um filme



Em Dezembro de 2000, Battle Royale foi levado para os cinemas japoneses pelo diretor Kinji Fukasaki, e é um excelente complemento ao se terminar o livro. O longa é uma excelente adaptação da história de Takami e não peca quando o assunto é violência.

O grande Quentin Tarantino (diretor e roteirista de Kill Bill e Pump Fiction) até elegeu o filme como o melhor visto desde o início de sua carreira!

Se você ainda não está convencido, você precisa assistir a resenha feita pelo Hugo do canal Pedrugo:


Caso você já tenha lido o livro e acha que algum item faltou nesse top, deixe nos comentários!

Ficha Técnica

Título Original: バトル・ロワイアル Batoru Raiawaru
Data de Lançamento: 2014 (Brasil)
Editora: Globo Livros

Créditos

Texto: Juninho Lima

Essa lista apresenta as opiniões e ideias do autor do texto e não do site Co-op Geeks.

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga