Menu
» » » » » » » 5 Teorias sobre Desventuras em Série


Felipe Cavalcante 14.1.17


Desventuras em Série (A Series of Unfortunate Events) estreou nesta sexta-feira 13 na Netflix, mas há um bom o tempo o conhecido escritor e membro de sociedades secretas, investigador e fugitivo de paradeiro desconhecido Lemony Snicket (pseudônimo do autor Daniel Handler) atiçou os fãs dos 13 livros com imagens das produções, trailers e até mesmo prévias do roteiro.

E a primeira temporada que adaptou os primeiros quatro livros da série parece já estar incluindo vários dos mistérios e desventuras sombrias que cercam as vidas dos órfãos Baudelaire: Violet, Klaus e Sunny (Malina Weissman, Louis Hynes e Presley Smith) sendo perseguidos pelo terrível Conde Olaf, interpretado pelo legen... wait a minute... dary Neil Patrick Harris.

E agora com novas pistas sobre os paradeiros de vários personagens, sendo "paradeiro" uma palavra que aqui significa perguntas não solucionadas que deixaram você sem sono questionando-se sobre incêndios, assassinatos, sequestros e comida italiana; apresento aos senhores, senhoras e voluntários disfarçados, uma lista de teorias que rodeiam essa série de eventos infelizes.

ATENÇÃO: Esse texto CONTERÁ POSSÍVEIS SPOILERS da trama de "Desventuras em Série", leia por sua conta e risco.

1. Algum dos pais dos Baudelaire pode ter sobrevivido:

O plot point da trama dos órfãos Baudelaire é justamente que seus pais tenham perecido num incêndio. Sr. Poe gostaria de lembrar que perecer significa morrer.

Porém, a partir do oitavo livro, um arquivo perdido conhecido como dossiê Snicket, cheio de anotações, arquivos e recortes de jornal surge e abre para os Baudelaire a possibilidade de que: 

"devido às evidências discutidas na página nove, os peritos suspeitam de que possa de fato haver um sobrevivente do incêndio".

Será que o Sr. ou a Sr. Baudelaire podem ter sobrevivido? E se sobreviveram, onde estão?


2. Tia Josephine é mais do que aparenta:

Na série e nos livros (O Lago das Sanguessugas) vamos ser apresentados à tia distante das crianças, Josephine Anwhistle, uma mulher reclusa que parece ter desenvolvido uma série de fobias estranhas depois da morte trágica do seu marido Belo, que foi devorado vivo por sanguessugas depois de ir nadar no lago sem esperar uma hora depois de comer... Ok, até aí isso só é apenas mais uma estranha desventura da vida, mas num dos trailer liberados Tia Josephine admite abertamente que ajudava os pais das crianças a formular códigos secretos...

Sem falar no fato de que ela mora completamente isolada no outro lado de um lago traiçoeiro, como se estivesse se escondendo de alguém, talvez um tal Conde Olaf...


3. O que é C.S.C.?

Uma das marcas mais distintas do Conde Olaf é a tatuagem de olho em seu tornozelo, porém, se você se aproximar suficiente dele e voltar vivo vai perceber que o olho apresentas as letras V.F.D. (ou C.S.C. aqui no Brasil).

O verdadeiro significado dessa sigla vai atormentar nossos heróis por toda a sua trágica comédia, pois com toda certeza não significa apenas Caprichosos Suportes para Copos ou Combatentes da Saúde para o Cidadão...


4. Conde Olaf quer mais que a fortuna dos Baudelaire:

Que o Conde Olaf seja um vilão pérfido isso é verdade, porém, no livro O Penúltimo Perigo, o vilão sugere que seus pais foram assassinados por dardos envenenados enquanto assistiam uma peça de teatro, e, mais cedo no mesmo livro uma personagem, Kit Snicket revela aos Baudelaire que conheceu seus pais quando ajudou-os a contrabandear uma caixa de dardos durante uma ópera. Seria possível que os pais dos Baudelaire assassinaram os pais do Conde Olaf?

5. Quem é Jacquelyn?

Se você assistiu o primeiro trailer percebeu que existe uma mulher misteriosa dourada de identidade até então desconhecida (porém armada com um arpão) além de ser estátua viva em tempo integral parece que vai ter um papel proeminente na história, segundo Lemony Snicket ela é uma personagem nova, cujo nome é Jacquelyn, criada totalmente para a série, porém ficam as perguntas: de que lado ela está e o que ela quer?


Por enquanto é só isso jovens voluntários, preparem seus lencinhos para sobreviver às desventuras terríveis e amargas dos Baudelaire, mas lembrem-se sempre: o mundo é sereno aqui.

Créditos

Texto: Felipe Cavalcante
Revisão: Juninho Lima

O texto apresenta opiniões e ideias do autor do texto e não do site Co-op Geeks.

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga