Menu
» » » » » » » » » » 5 séries de sci-fi que merecem uma chance


Angelo Prata 8.10.18


Todo nerd que se preze curte uma boa ficção científica, seja sobre uma experiência que deu errado, alienígenas ou viagem no tempo. O importante é desafiar as leis da ciência e da física de um jeito crível e, ao mesmo tempo, fantástico. Para ajudar você a escolher seu próximo vício futurístico, separei algumas sugestões de seriados.

1 – V


V é baseado no seriado homônimo dos 1980. Essa releitura de 2009 conta a história de alienígenas aparentemente idênticos aos humanos que chegaram à Terra em busca de água e minerais. Endeusados por sua tecnologia e aparência, logo alguns personagens descobrem que a intenção desses seres intergalácticos vai muito além de apenas uma visita.

Com uma história repleta de reviravoltas e a incrível Morena Baccarin (Deadpool) como antagonista, essa série acabou sendo cancelada após a segunda temporada deixando os fãs desolados e sem final. Na época, até fizeram uma campanha enviando centenas de cartas para a emissora ABC pedindo a renovação do programa, que infelizmente, nunca mais irá dar as caras. Mesmo assim, a história tem um desenvolvimento tão marcante que merece ser apreciada pela galera fã de sci-fi.

2 – Ascension


Um projeto ousado, e secreto, dos Estados Unidos envia uma nave com centenas de tripulantes para uma missão só de ida para um novo planeta. O mais interessante, é que isso ocorreu nos anos 1960, em plena guerra fria, e toda tecnologia analógica da época está presente. Após 50 anos de viagem, a tripulação da Ascension testemunha o primeiro assassinato da nave, levando os personagens a uma série de revelações sobre o real motivo da existência do projeto.

Apesar de seu tema superinteressante, Ascension é uma minissérie com apenas seis episódios. Foi produzida pelo canal Syfy em parceria com a CBS em 2014. Este é mais um daqueles seriados que valem a pena pela premissa intrigante.

3 – The Expanse


Daqui a 200 anos, a humanidade terá colonizado o sistema solar, mas não terá se libertado de seus problemas políticos. Marte, um planeta independente, compete com a Terra sobre os recursos naturais presentes em todo o sistema, enquanto os moradores do cinturão de asteroides são explorados pelos marcianos e terráqueos, vivendo em condições precárias.

The Expanse possui uma trama política complexa que vai se desenvolvendo no decorrer dos episódios. Elogiado pela crítica, também foi cancelado após a sua terceira temporada. A boa notícia é que o serviço de streaming Amazon Prime Vídeo comprou os direitos do canal Syfy para produzir os novos episódios.

4 – The 100



Após um apocalipse nuclear, as estações espaciais que estavam em órbita se juntam para formar a Arca e permitir a sobrevivência dos tripulantes até a Terra se tornar habitável novamente. 97 anos depois e com recursos cada vez mais limitados, as regras da estação espacial ficaram mais rígidas. Todos os crimes são punidos com a morte se o infrator for maior de 18 anos, enquanto os jovens são encarcerados até atingir a maioridade. Para testar as condições de sobrevivência do planeta, 100 desses delinquentes são enviados à Terra com a missão de comprovar se é seguro para os humanos retornar.

Repleta de personagens mulheres em papéis de liderança, The 100 surpreende por ser uma série teen que não se prende ao básico. Com uma trama consistente, continua surpreendendo mesmo depois de cinco temporadas. Vale também ressaltar a representatividade que o programa traz com seus personagens LGBT, asiáticos e negros.

5 – Westworld


Deixando o espaço um pouco de lado, Westworld é uma megaprodução do canal HBO. Na história, um parque de diversões baseado no velho oeste americano é povoado por robôs idênticos aos humanos. Os visitantes pagam milhares de dólares para fazer o que quiserem com as máquinas. O que eles não esperavam é que a criatura não obedeceria o seu criador para sempre.

Um dos maiores destaques do enredo de Westworld é o questionamento sobre o que é ser humano. Pode até parecer confuso no começo, mas não desista. É possível criar diversas teorias enquanto tentamos desvendar as verdadeiras motivações dos personagens, além de se surpreender descobrindo que todas estavam erradas.

Créditos

Texto: Angelo Prata
Revisão: Bruno Bolner


Este artigo apresenta as opiniões do autor do texto e não do site Co-op Geeks.

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga