Menu
» » » » » » » » » Top 10 | Personagens cortados de Game of Thrones


Felipe Cavalcante 18.5.19


A adaptação da série de livros As Crônicas de Gelo e Fogo do autor de G.R.R Martin, Game of Thrones, está chegando ao fim, recebendo um saldo de críticas mistas a negativas, polêmicas e, com toda certeza, sendo um marco na história da televisão. E apesar das decisões controversas e grandes desvios de rota nos roteiros, os criadores da série D&D (David Bennioff e D.B. Weiss) poderem se congratular sobre a enorme produção televisiva que é Game of Thrones, nos livros há uma abundância de personagens e arcos que poderiam enriquecer ainda mais a trama da luta épica pelo Trono de Ferro e o poder em Westeros. Então, pegando emprestado uma lista do nosso colaborador do twitter, @Lerdog, estes são alguns personagens d'As Crônicas de Gelo e Fogo que foram cortados na série.


ATENÇÃO!! O texto a seguir poderá conter conteúdo considerado SPOILER dos livros "As Crônias de Gelo e Fogo" e da série "Game of Thrones".

10 - Falyse Stokeorth


Falyse Stokeworth é uma mulher da nobreza que não tem muita sorte e está presa num casamento de dez anos totalmente falho com o cavaleiro Balman Byrch, com quem nunca teve filhos, e é irmã de Lollys Stokeworth, uma jovem com pouca inteligência que é atacada e violentada por "meia centena" de homens durante o tumulto em Porto Real. A existência de Falyse é relevante basicamente para mostrar como Cersei lida com as menores inconveniências em sua vida.

Durante o livro O Festim dos Corvos, Lollys se casa com Bronn e dá à luz um bastardo, fruto do estupro coletivo, e ele recebe o nome de Tyrion, o que enfurece Cersei que acredita que aquilo é um ato de traição. Ela trama a morte de Bronn com Falyse e o seu marido, mas o tiro acaba saindo pela culatra e a própria Falyse acaba sendo exilada de casa, pedindo auxílio de Cersei que a entrega para ser cruelmente usada nas experiências de Qyburn. 

9 - Willas Tyrell



Willas Tyrell, o filho mais velho e herdeiro de Jardim de Cima, a sede da Casa Tyrell, é um dos homões personagens mais decentes e nobres dos livros. Um nobre erudito, estudioso e gentil, que é conhecido por criar os melhores gaviões, cavalos e cães de caça dos Sete Reinos, porém, que sofreu um terrível acidente quando jovem, em uma justa contra Oberyn Martell, o Víbora Vermelha, que o deixou coxo de uma das pernas. Isso causou ainda mais inimizade entre as duas famílias, os Tyrell e os Martell. Contudo, Willas não guardou rancores por causa do acidente e ainda se correspondia com Oberyn.

Há algumas teorias de fãs que dizem que eles poderiam ter sido amantes e há pelo menos um longo vídeo de teorias supondo que Willas poderia ter sido um personagem P.O.V. dos livros. Seria interessante se pudéssemos ter explorado mais as minúcias da Casa Tyrell e dos personagens residentes da Campina.

8 - Jeyne Poole


Há muito o que falar sobre Jeyne Poole, uma personagem menor no início dos livros e da série e a melhor amiga de Sansa em Winterfell. Jeyne viaja junto de Sansa para Porto Real e fica confinada com ela durante o massacre dos nortenhos após a prisão de Eddard como traidor, e depois é entregue a Mindinho, que diz que encontrará um lugar para ela. É sugerido muito fortemente que, durante todo o tempo na Guerra dos Cinco Reis, Petyr Baelish deixou Jeyne em suas casas de prostituição sendo treinada para "servir bem a um homem". Depois desse período, Jeyne é entregue para ser casada com o único herdeiro do lorde Roose Bolton, o bastardo Ramsay Bolton, onde ela é forçada a dizer que é Arya Stark para consolidar a posse de Winterfell para os Bolton. Porém Theon, que naquela época já havia sofrido as torturas de Ramsay, reconhece a "Falsa Arya" e entra num dilema entre sobreviver como um homem quebrado ou resgatar Jeyne dos abusos monstruosos de Ramsay.

A série entrou numa grande polêmica ao adaptar este arco narrativo por alguns motivos: o primeiro foi cortar a história trágica de uma personagem que sofre abusos sexuais e psicológicos para destiná-los à Sansa Stark, desconstruindo a crescente da personagem. A cena de estupro de Sansa e seu arco foram extremamente problemáticos, dado que nos livros e na série o foco é a decisão de Theon, mesmo que a tragédia de Jeyne seja tratada com toda a delicadeza que G.R.R. Martin pôde abordar, com influências diretas ao gótico feminino e uma virada no arco de Theon. A série infelizmente perdeu bastante a oportunidade de ter uma das tramas mais fortes d'As Crônicas de Gelo e Fogo retratadas com dignidade. 

7 - Lady Stoneheart


Uma das viradas mais chocantes d'As Crônicas de Gelo e Fogo, a presença da Senhora Coração de Pedra (Lady Stoneheart) foi cortada da série na quarta temporada. No episódio final da terceira temporada, a adaptação da primeira metade do livro A Tormenta de Espadas, após o massacre do Casamento Vermelho, os corpos de Robb Stark e de Catelyn Tully são vandalizados e deixados insepultos. O corpo de Robb é costurado com a cabeça do seu lobo gigante, Vento Cinzento, e Catelyn é despida e jogada no rio, num deboche das tradições funerárias da família Tully.

Mais tarde, Arya tem um sonho com a sua loba, Nymeria, encontrando o corpo da mãe e retirando-o do rio, já depois de três dias, porém um grupo de humanos chega e a loba foge. Quem encontra o cadáver são alguns membros da Irmandade Sem Bandeiras, além de Beric Dondarrion e Thoros de Myr, o sacerdote vermelho, a quem Beric pede que ressuscite lady Catelyn, quando a reconhece. Thoros, porém, recusa, afirmando que ela havia morrido há muito tempo e não sabia quais as consequências de tentar aquilo, então, Beric decide fazer o ritual ele mesmo e acaba trocando a vida com Catelyn, que retorna como uma sombra de si mesma, uma criatura cheia de uma fúria vingativa contra Lannisters, Boltons e Freys.

6 - Val, a selvagem


Val, é uma dos selvagens, irmã de Dalla, a esposa de Mance Rayder, o Rei-Pra-Lá-da-Muralha. Ela é corajosa, firme e nos oferece mais da visão pragmática e dura dos Selvagens. Val veste apenas roupas brancas, peles de ursos polares e arminhos brancos com um rosto de um represeiro marcado em vermelho, representando sua crença nos Velhos Deuses.

Ela é aprisionada depois da derrota dos selvagens na Batalha de Castelo Negro, onde ela reside durante um bom tempo cuidando do filho recém-nascido de Mance Rayder, antes de ser enviada para negociar com Tormund para se juntar na defesa da Muralha. Val também sugere que Shireen pode não estar completamente curada da escamagris. Na série ela foi quase adaptada, dentro da personagem Karsi, no episódio "Hardhome", infelizmente a personagem não durou muito... 

5 - Quentyn Martell 


Quentyn Martell, o segundo filho de Doran Martell, é um personagem que tem uma longa jornada, uma missão e um sonho em seu coração. Servindo como o maior exemplo de "acredite no seu potencial", Quentyn atravessa meio mundo, cruzando Essos em direção a Meeren para propor casamento a Daenerys Targaryen, conforme prometido em segredo a Casa Martell. Contudo, quando Quentyn chega em Meeren, a Rainha e Mãe dos Dragões simplesmente recusa a sua oferta, uma vez que ela já estava prometida pro nobre local Hizdrah zo Loraq, como uma forma de apaziguar a cidade e evitar as mortes que estavam acontecendo ali.

Decidido a não ir embora de mãos abanando, Quentyn decide que vai roubar um dos dragões de Daenerys na viagem de volta para Dorne, porém aqui nós percebemos que os dragões não são criaturas fáceis de domar (ouviu Jon Snow?) e ele simplesmente é queimado vivo por um deles, libertando-os para causar o terror em Meeren e adiantando o conflito na cidade, além de, claro, criar uma futura dor de cabeça para Daenerys quando ela chegar em Westeros. Afinal, como ela vai explicar que um de seus dragões matou o filho de um dos seus poucos aliados?

4 - Arianne Martell


Arianne Martell é a herdeira de Dorne e causadora de uma enorme trama dentro das areias dornesas. A filha de Doran Martell e irmã mais velha de Quentyn, quando desconfia que o pai não a fará a herdeira legítima de Dorne, resolve tramar um plano com seus aliados: coroar Myrcella, a filha de Cersei que está em Lançassolar, como a herdeira do Trono de Ferro pela lei dornesa e fazer com que ela ascenda ao trono declarando-a como princesa de Dorne. Para isso, ela seduz o cavaleiro da Guarda Real, Arys Oakenheart (que como um cavaleiro da Guarda, não poderia tomar mulheres ou possuir terras), para ajudá-la no seu plano, porém, alguém os trai, o cavaleiro morre e Myrcella perde uma orelha.

3 - Penny (ou Merreca)


Uma das personagens pouco valorizadas por muitos, mas que faz uma grande diferença na trama para Tyrion, a Merreca, é uma anã que fazia parte de uma trupe de pantomimeiros, que realizava apresentações teatrais e de comédia com seu irmão, Oppo. Faz sua primeira aparição em A Tormenta de Espadas, pois ela é um dos anões que faz parte do espetáculo vexatório durante o casamento de Joffrey, para causar uma justificativa para a acusação de Tyrion como o autor do assassinato do rei.

O irmão dela, eventualmente, acaba perdendo a cabeça e isso a coloca no caminho de Tyrion enquanto ele está em Essos, e ali ele é confrontado com as consequências de suas ações e com os seus próprios demônios, sendo forçado a avaliar os seus privilégios e tudo o que ele odeia em si mesmo. Uma oportunidade perdida para a série de engrandecer ainda mais a história do Tyrion... 

2 - Cetim


Cetim é um recruta da Patrulha da Noite, um ex-prostituto de Vilavelha que se torna o intendente pessoal de Jon Snow, quando ele se torna Lorde Comandante da Patrulha. Ele é descrito como bonito, jovem e muito bom arqueiro (algo que o personagem da série Olly, acabou absorvendo), e causa revolta em membros antigos da patrulha, como Bowen Marsh, quando ele é escolhido para dar assistência a Jon, e se torna um dos motivos pelos quais os patrulheiros optam por um motim contra Jon.

1 - Jon Connington e Jovem Griff



Jon Connington era o Lorde de Poleiro do Grifo, um dos melhores amigos do príncipe Rhaegar Targaryen e foi durante um momento a Mão do Rei de Aerys II, o Rei Louco. Lutou contra Robert Baratheon durante a Rebelião, sendo derrotado e deixando Robert escapar, perdendo o seu título e sendo exilado para Essos, onde supostamente ele teria se matado de tanto beber.

Contudo, nos livros descobrimos que isso não é verdade e que Jon Connington na verdade está vivo, tendo se aliado à uma das mais renomadas companhias de mercenários, a Companhia Dourada, e está vivendo em segredo como o Velho Griff, supostamente protegendo Aegon, o filho do príncipe Rhaegar.

Além disso, conforme lemos os capítulos do ponto de vista dele, descobrimos que Jon Connington tinha uma paixão por Rhaegar, então, não apenas temos um personagem misterioso e com um conflito, como também alguém com uma história trágica.



E esses são os personagens de As Crônicas de Gelo e Fogo que foram cortados da série. A season finale de Game of Thrones estreia nesse domingo, 19 de março, na HBO. Comentem quais são os personagens que vocês gostariam que tivessem sido adaptados para série e lembrem-se sempre: Valar Morghulis.

Créditos


Lista de personagens: @lerdog
Texto: Felipe Lima
Revisão: Felipe Lima e Bruno Bolner

O artigo apresenta as opiniões dos autores do texto e não do site Co-op Geeks.

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga