Menu
» » » » » » » » » Steven Universo: porque você deveria estar assistindo agora!


Felipe Cavalcante 1.12.19


Steven Universo é um dos desenhos animados mais aclamados e de mais sucesso da Cartoon Network dos últimos tempos, criado por Rebecca Sugar, uma animadora e roteirista que trabalhou anteriormente no também notável e maravilhoso Hora de Aventura, sendo a primeira mulher a produzir e criar uma série para a Cartoon, porém muito mais que esse incrível feito o desenho também tem sido muito bem avaliado pela sua delicadeza, narrativa engenhosa e personagens incríveis, por isso aproveitando o hype do lançamento de Steven Universo Future, hoje vamos listar algumas razões pelas quais você com toda certeza deveria estar assistindo. 

ATENÇÃO! Este post pode conter alguns SPOILERS das primeiras temporadas de "Steven Universo", leia com atenção!

We are the Crystal Gems...


Steven Universo conta a história do garoto Steven Universe, que mora na cidade de Beach City, num templo mágico com as Crystal Gems - três seres mágicos intergaláticos, Pérola, Ametista e Garnet. Steven ainda conta com a ajuda do pai, Greg, a entender o mundo e aprender a controlar os seus poderes já que ele é metade gem, sendo que sua mãe era Rose Quartzo, a antiga líder das Crystal Gems, agora ele conta com ajuda das gems proteger os seus amigos humanos e o mundo das forças do mal. 

A primeira razão para assistir a série: o plot principal de Steven Universo parece simples de início, porém é bastante gratificante perceber como os criadores da série estavam atentos desde a primeira temporada para criar uma trama que começa simples para depois começar a se tornar mais complexa, abordar temas mais maduros e situações mais complicadas, e com bem poucos elementos. 

Além disso: a relação do trio de Gems com o Steven é muito divertida: Pérola é a figura materna super protetora, Ametista é uma figura de irmã mais velha desleixada e um pouco rebelde e Garnet é uma força da natureza e uma experiência e todas ainda estão aprendendo a lidar com o Steven, enquanto ele cresce e descobre mais sobre si mesmo e o passado.

Stronger Together!


Um dos conceitos mais interessantes da série é a fusão. Todas as Gems tem potencial de se fundirem com outras Gems e assim unirem seus poderes, personalidades e se transformarem em novas fusões. 
A fusão só pode acontecer quando as duas Gems estão sincronizadas, quando elas estão no mesmo ritmo e assim pode ser uma metáfora para as relações que nós temos: seja de amor, de amizade, de afeto, os personagens só conseguem se fundir quando estão em um momento de sua relação que os dois queiram se fundir, então os personagens precisam crescer para ter as forças para lutar.



Outro ponto positivo pra série também é bastante rica ao trazendo personagens diferentes e complexos. Um dos exemplos mais notáveis é a história de Jasper e a Lápis Lazúli, duas gems que surgem em outro ponto da história. A fusão das duas é tóxica e complicada, a Jasper é uma Gem que deseja ter poder para poder derrotar as Crystal Gems e Lápis é uma Gem que passou milênios aprisionada e sozinha, e quando elas formam uma fusão: a Malachita, elas acabam se tornando uma criatura monstruosa e instável que lembra bastante um relacionamento abusivo e só dos criadores da série terem a sensibilidade de trazer esse tema de uma forma palatável para crianças mostra o quão preocupados e cientes eles estão ao fazerem a série. 



Além disso Steven Universo é cheio de representatividade: seja LGBTQ+ ou de tipos de personagens com etnias, nós temos desde Lars Barriga que é filipino e Sadie, que é branca, dois amigos que trabalham no Big Rosquinha até Connie Maheswaran que tem descendência hindu e se torna a melhor amiga dele. Quanto à parte LGBTQ+ muitas das Gems tem uma relação muito próxima umas com as outras e claramente romântica e os episódios exploram muito essas relações. As Crystal Gems estão na Terra há muitos séculos, então durante esse tempo todo elas tiveram muitas histórias juntas.
Pérola, por exemplo, é uma das personagens mais interessantes, ela tinha uma relação muito forte com Rose Quartzo, a mãe de Steven e sofreu muito quando ela se apaixonou por Greg, o pai de Steven e abdicou de sua forma para ter um filho. 



Além disso temos personagens com desabilidades, personagens em relações poliamorosas e de gêneros fluídos, tudo apresentado com naturalidade e delicadeza dentro da série, mesmo que de uma maneira fantástica e mágica, e todos eles crescem ou evoluem na série de alguma maneira.


Steven Universo consegue manter esse balanço de episódios com um arco de uma história maior e episódios que tratam da vida dos moradores de Beach City para no final trazer sempre uma conclusão em que os dois se juntam no final e nos dão respostas e pistas pro futuro. Os personagens são cativantes, diversos e o roteiro da série muito bem escrito e agora em sua quinta temporada parece finalmente encontrar um bom desfecho.


Mas se você quer algo a mais além da série, saiba que uma temporada-epílogo limitada está programada para estrear muito breve para continuar a história dos personagens. Então ainda dá tempo de maratonar todas as temporadas anteriores para acompanhar a nova série!

Steven Universe Future irá estrear no Cartoon Network agora em 08 de dezembro!


Créditos

Texto: Felipe Lima
Revisão: Felipe Lima

«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga