Menu
» » » » » » » » » » Oscar 2020 - os vencedores, os destaques e os esnobados


Felipe Cavalcante 16.2.20


O Oscar 2020 teve muitas surpresas na premiação com ganhadores inesperados, filmes que surpreendentemente não foram premiados e mesmo filmes que acabaram sendo lembrados apesar de não serem indicados.


Toy Story 4 ganhou o prêmio de Melhor Longa de Animação e o Melhor Curta de Animação ficou para Hair Love.

O vencedor de Melhor Curta-Metragem foi The Neighbour's Window e o de Melhor Curta Documentário foi o Learning to Skateboard in a Warzone (If You're a Girl), um retrato empoderador da situação de meninas que se atrevem a aprender a ler, escrever e andar de skate na cidade de Kabul, e o Melhor Longa Documentário ficou para Indústria Americana.

Um dos destaques da noite foi o vestido da atriz Natalie Portman que veio com os nomes de diretoras que não foram nominadas para o prêmio bordados, entre os nomes delas: Marielle Heller, Melina Matsoukas, Lulu Wang, Greta Gerwig, Lorene Scarfaria, Celine Scianna, Mati Diop e Alma Har'el. 

O longa Jojo Rabbit de Taika Waititi levou o prêmio de Melhor Roteiro Adaptado e Elton John levou o prêmio de Melhor Canção Original com Rocketman.

O longa Ford vs. Ferrari do diretor James Mangold levou os prêmios de Melhor Montagem, Melhor Edição de Som e 1917 levou o Melhor Fotografia  Mixagem de Som.

Brad Pitt levou o prêmio de Melhor Ator Coadjuvante por Era Uma Vez em Hollywood... e a atriz Laura Dern o prêmio de Melhor Atriz Coadjuvante por História de Um Casamento.


A atriz René Zellweger foi premiada como Melhor Atriz pelo papel de Judy Garland na cinebiografia da atriz e eterna Dorothy. 


Coringa rendeu dois prêmios: Melhor Trilha Sonora Original para a compositora Hildur Guðnadottir, que foi a primeira mulher a ganhar esse prêmio desde o ano de 1997 e o muito esperado prêmio de Melhor Ator para Joaquin Phoenix.


E por fim, o grande vencedor da noite o filme Parasita de Bong Joon-Ho, que levou as estatuetas Melhor Roteiro Original, Melhor Filme Internacional, Melhor Diretor e Melhor Filme, se tornando o primeiro filme de língua não-americana a ganhar um prêmio de Melhor Filme.


Créditos

Texto: Felipe Lima
Revisão: Felipe Lima


«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga