Menu
» » » » » » » » As filmagens da série de Sandman iniciam e o elenco já foi escalado


Felipe Cavalcante 20.10.20

 

Imagem da capa: fundo preto com a ilustração de Morfeus, uma figura masculina muito pálida, envolta num manto negro e com cabelos negros muito longos e bagunçados, erguendo uma mão com areia escorrendo dela e levando com a outra o dedo aos lábios em sinal de silêncio e um círculo branco por trás.


O autor Neil Gaiman (Coraline, Stardust e O Oceano no Fim do Caminho) confirmou em sua conta pessoal do twitter que a adaptação da sua obra mais famosa, a série de HQs Sandman que está sendo adaptada para uma série numa colaboração da Warner Bros. com a Netflix já iniciou as filmagens e que o elenco da primeira temporada já foi escalado.


As gravações que se iniciaram na quinta-feira de 15 de outubro trarão à vida a adaptação dos dois primeiros arcos dos quadrinhos: Prelúdios e Noturnos e A Casa de Bonecas, além disso Gaiman confirmou que muito em breve o elenco completo da série deve ser revelado oficialmente, embora ele só tenha dado pistas de que alguns personagens como Lúcifer já tem um ator definido no papel e outros ainda não. 


A série em quadrinhos conta a longa e intricada história de Sonho, também conhecido como Morfeus, um ser antigo e poderoso e a personificação do sonho e da imaginação. Ele é um dos Perpétuos, um grupo de sete entidades que inclui Desejo, Destino, Destruição, Desespero, Destino e Morte. E se inicia quando Morfeus que é capturado por engano por um grupo de bruxos, escapa depois de 70 anos aprisionado, e então deve retomar o seu poder, o seu reinado, o mundo do Sonhar e confrontar seu passado e diversas histórias inacabadas. A série Sandman foi premiada com um Fantasy World Award e um Hugo Awards, também foi a primeira HQ a entrar na lista de best-sellers literários do The New York Times


A adaptação em série que foi anunciada em torno de julho de 2019 e está em produção desde então estava prevista para estrear em torno do ano que vem, mas deve chegar na Netflix em torno da segunda metade de 2021.


Créditos


Texto: Felipe Lima

Revisão: Felipe Lima



«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga