Menu
» » » » » » » » » » » O Falcão e o Soldado Invernal - 1x02 (review COM SPOILERS)


Felipe Cavalcante 26.3.21

Imagem de capa: os personagens Sam e Bucky, em suas roupas de civil e sentados em um par de cadeiras encarando um ao outro e no centro a terapeuta sentada na mesa e observando os dois com uma pasta em sua frente.


O segundo episódio de O Falcão e o Soldado Invernal chegou na plataforma de streaming Disney Plus, com mais cenas de ação e uma discussão interessante sobre as relações raciais na América sendo desenvolvida nesse episódio.


ATENÇÃO! Esse review contém SPOILERS de 'O Falcão e o Soldado Invernal'. Leia com cuidado.


Imagem: os personagens Falcão e o Bucky, um homem negro em um uniforme vermelho com cores prateadas e um óculos vermelho e Bucky, um homem branco de cabelos pretos curtos e barba aparada, um traje escuro de couro e o braço biônico.


Neste episódio finalmente tivemos a interação entre Sam (Anthony Mackie) e Bucky (Sebastian Stan), que surge na missão de identificar e descobrir o paradeiro dos Apátridas, e algumas farpas são trocadas por conta do anúncio de um novo Capitão América.

Bucky está ressentido por Sam ter recusado o escudo do Capitão América e, permitido assim, que um completo desconhecido assumisse o manto de Steve Rogers. Sam explica, então, que teve as suas razões para não ter aceitado o manto de Capitão América.


Os dois decidem investigar uma base dos Apátridas e descobrem que o grupo está roubando remédios e comida para a sua missão e aliados. Nesse momento, temos uma briga que confirma que o grupo conseguiu de alguma maneira os poderes do soro do "super soldado".


O novo Capitão América

Imagem: o Agente Americano no uniforme de Capitão América azul com um A no seu capacete, o escudo, apontando um pistola durante uma luta em cima de um caminhão e ao fundo uma paisagem de floresta.

Enquanto isso, conhecemos um pouco mais do novo Capitão América, o soldado John Walker (Wyatt Russell), que surge numa enorme e pomposa apresentação para uma entrevista para o Good Morning America, e expressa o seu desejo de viver a expectativa de ser como o próprio Steve Rogers, o que, é claro, não pega bem com os dois Vingadores. 

A diferença entre ele e Sam é bem clara: um deles não acredita ser digno das expectativas de um dos maiores símbolos heroicos, e do líder dos Vingadores, e o outro deseja ser igual ao antigo Capitão América.


Esse desejo de se provar um Capitão América tão capaz quanto Steve Rogers é o que motiva Walker e o seu assistente Battlestar (Clé Bennett) a interferirem na missão de Sam e Bucky na luta contra os Apátridas. Após ser rejeitado duas vezes, Walker decide que não quer mais os dois em seu caminho. 


O soldado que todos esqueceram...


Imagem: foto dividida com o personagem Isaiah da série, um homem negro de meia idade, barba e cabelos brancos e bem curtos e um olhar irritado e frustrado e ao lado uma ilustração das HQs do personagem Isaiah Bentley, um homem negro e musculoso no traje do Capitão América, em azul e vermelho com detalhes de estrelas brancas e luvas vermelhas.


Outro ponto que a série traz nesse episódio é a questão do histórico de violência racial dos EUA, também sendo abordado através dos super soldados. Neste caso, o personagem Isaiah Bradley (Carl Lumbly), um homem negro já idoso, é revelado como um soldado que participou dos experimentos com o soro do super soldado durante a Guerra do Vietnã, e foi o responsável por arrancar o braço de Bucky durante um de seus conflitos. No entanto, a pior parte é que depois dos seus serviços, ele foi colocado numa prisão e esquecido por cerca de trinta anos. 

A cena, que claramente fala sobre a exploração de pessoas negras na história do país, atinge Sam em cheio, e a situação piora quando ele e Bucky, que estão em um bairro pobre e de maioria negra, começam a discutir e a polícia chega, exigindo os documentos de identidade de Sam e até mesmo preparando-se para dar voz de prisão, o que teria acontecido, caso um dos policiais não o tivesse reconhecido como um Vingador.


Por fim, não conseguindo capturar ou descobrir mais dos planos futuros do grupo dos Apátridas, a dupla Bucky e Sam decide ir atrás de alguém que pode ter uma informação para eles: Zemo



Créditos


Texto: Felipe Lima

Revisão: Felipe Lima e Júlia Capuano



«
Próximo
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga